Esportes

Após três confrontos, Cianorte e Caxias se reencontram neste domingo para o ‘embate final’

Técnico Bolívar prevê jogo difícil, mas confia na classificação às quartas de final
Técnico Bolívar cita semana boa de trabalho e mostra confiança na vaga. (Foto: Diego Menegon/Cianorte FC)

Está chegando a hora da verdade. No domingo, 07, o gramado do Estádio Albino Turbay tem tudo para se tornar um verdadeiro campo de batalha. Pela quarta vez em pouco mais de um mês, Cianorte e Caxias se enfrentam e, desta vez, o embate vale vaga nas quartas de final do Campeonato Brasileiro Série D 2019. O duelo, válido pelo jogo de volta das oitavas, está marcado para as 15 horas.

Após o empate sem gols no jogo de ida em Caxias do Sul, as equipes chegam “iguais” para decisão deste domingo. O retrospecto entre elas, aliás, é bastante equilibrado. Nos três confrontos disputados até aqui – dois deles na fase de grupos –, uma vitória para cada lado e um empate. E como o futebol é especialista em proporcionar momentos inesquecíveis, nada melhor do que um “embate final” para definir quem ficará a dois jogos do sonhado acesso à Série C do Campeonato Brasileiro de 2020.

“Será novamente um jogo muito difícil. O Caxias é uma equipe que tem todo o respeito por parte do Cianorte, mas é um mata-mata e sabemos que precisamos fazer a nossa parte. Precisamos fazer novamente um grande jogo no nível de concentração, técnico e tático. Uma vitória simples nos interessa para uma passagem às quartas de final” afirma o técnico do Leão, Bolívar, em tom de confiança.

Segurar um empate na casa do adversário no jogo de ida foi um resultado bastante valorizado por todos em Cianorte. De acordo com Bolívar, o resultado favoreceu o ambiente na semana de trabalho.

“Foi uma semana bacana e bem produtiva de trabalho. É sempre bom trabalhar quando se tem uma semana cheia e com um bom resultado, que foi o de empate lá. Sabemos que isso não define nada, mas, pelo nível que foi o jogo, foi muito bom” diz.

Com dois desfalques certos, o técnico cianortense ainda faz mistério com relação ao time titular. O lateral-esquerdo Formiga, que passou por uma cirurgia no ombro, e o lateral-direito Weriton, suspenso, estão fora. Durante a semana, Bolívar testou várias alternativas para as posições e só deve anunciar o time titular momento antes da partida.

“Os jogadores estão bem focados e preparados. O que for colocado dentro de campo, o torcedor pode ter certeza que teremos um Cianorte forte. Vamos em busca dessa classificação tão esperada pelo clube e pelos torcedores” concluiu.

ARBITRAGEM

A partida será comendada por um trio de arbitragem paulista. Quem apita é José Cláudio Rocha Filho, auxiliado por Alex Ang Ribeiro e Vitor Carmona Metestaine.