Cidades

Apae comemora Semana da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla

Programação contempla ida ao cinema, tarde dançante, apresentações culturais e interação com outras escolas
["A primeira atividade da Semana foi um piquenique entre alunos e professores ","",""] (Foto: MÔNICA CHAGAS / TRIBUNA)

Para divulgar o movimento nacional e enfatizar a importância da inclusão, a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Cianorte preparou uma programação especial com os alunos entre os dias 21 e 28. A abertura da Semana Nacional foi celebrada no último fim de semana em algumas igrejas da cidade. Ontem (21), os alunos da Escola João Paulo I e do Centro de Reabilitação João Paulo I participaram de um piquenique com os professores.

A programação continua hoje (22), com uma ida ao cinema para assistir o filme “Hotel Transilvânia 3”. Amanhã (23), alunos e funcionários das 10 Apaes da região vão se reunir em Cianorte para uma tarde dançante. Até o fim da semana, estão previstas apresentações culturais, visitas de outras escolas e confraternização.

Para a diretora da entidade local, Maria Regina Rocco Peroco, as atividades proporcionam a sensibilização sobre os direitos das pessoas com deficiência. “Todos nós temos limitações e precisamos conviver com elas. Essa é nossa maior luta: garantir que essas pessoas sejam incluídas na sociedade e participem dela ativamente”, destacou.

A Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla acontece todos os anos entre 21 e 28 de agosto. Em 2018, o tema é “Família e pessoa com deficiência, protagonistas na implementação das políticas públicas” e envolve as Apaes de todo o país.

REALIDADE LOCAL

A Apae de Cianorte foi fundada há 45 anos e atualmente é mantenedora de dois programas de atendimento: Escola João Paulo I e Centro de Reabilitação João Paulo I, que oferecem atividades educacionais e assistência em saúde. O objetivo é atender a pessoa com deficiência intelectual e múltipla, promovendo e articulando ações de defesa de direito, prevenção, orientação, prestação de serviços e apoio às famílias, contribuindo para uma sociedade mais justa e igualitária.

A Escola oferece educação infantil, ensino fundamental, educação de jovens e adultos (EJA) e educação profissional, com formação inicial de marcenaria, confecção de estopas, papel artesanal e jardinagem.

O Centro de Reabilitação promove atividades de estimulação sensorial e psicomotora nas áreas de fonoaudiologia, fisioterapia, pedagogia, terapia ocupacional, psicologia, nutrição, serviço social, odontologia, psiquiatria e neurologia. A entidade atende 205 alunos em dois turnos e está localizada na Rua Nilo Peçanha, n° 75.