Cidades

Alternativa funciona e rojões espantam pombos da Praça João 23

Local está praticamente livre das aves, que causaram transtorno por vários meses
Com evacuação dos pombos, Praça João 23 tem se mantido limpa e os visitantes voltaram ao local (Foto: Martins Neto / Tribuna de Cianorte)

Foram meses buscando alternativas para conter os problemas causados pela superpopulação de pombos na Praça João 23, onde fica o Santuário Eucarístico Diocesano, em Cianorte. Alguns transtornos como sujeira, mau cheiro e, principalmente, o risco à saúde pública, fizeram com que as autoridades do município buscassem uma solução rápida e eficaz. Tentaram de tudo: conversas com biólogos, pesquisas pela internet, caixas de som na praça, águias eletrônicas e odorizadores, mas foram os rojões que espantaram as aves do local.

A utilização dos rojões foi definida em audiência pública realizada no fim do mês de junho, através de uma iniciativa do promotor de Justiça e coordenador administrativo das Promotorias e Meio Ambiente, Sérgio Roberto Martins. Mais de 70 pessoas participaram das discussões, entre autoridades municipais, estaduais e representantes de conselhos e da sociedade civil.

Os fogos foram todos adquiridos pelo Santuário Eucarístico que, desde sábado, 6, efetua os disparos diariamente, das 18 às 19 horas, com a ajuda dos membros da comunidade. Os artefatos utilizados são os de três tiros, conhecidos por não atingirem uma altura tão elevada, além de não fazer muito barulho.

Em poucos dias, os resultados já são nítidos. De acordo com o padre Sérgio Carris, pároco do Santuário Eucarístico, a maioria dos pombos já foi embora e a praça já transmite um ambiente mais limpo para a população. 

“Os pombos já foram quase todos embora. No início soltamos 10 rojões, mas agora já estamos diminuindo a quantidade e iremos soltar menos vezes na semana. Começaremos intercalar e logo poderemos até mesmo parar de soltar. O cheiro já diminuiu, pois a sujeira praticamente já foi eliminada” afirma Carris.

Com a limpeza da praça, a rotina da igreja já começa a voltar ao normal. Os fiéis já podem disfrutar do passeio pela via sacra, que conta com lindas esculturas ao redor do Santuário.

“Agora nós passamos a zelar e dar uma atenção maior à via sacra e até motivar as pessoas para que elas venham fazer suas orações e visitas. Estamos bastante felizes, pois estamos vendo um resultado muito bom. A limpeza e a comunidade agradecem” conclui o pároco.

RISCO À SAÚDE

Os pombos são animais bastante comuns e fáceis de serem encontrados em qualquer cidade. Porém, essas aves podem ser um perigo para a saúde da população, visto que são capazes de transmitir várias doenças, como histoplasmose, criptococose, salmonelose, ornitose e meningite. A transmissão dessas doenças acontece principalmente através das fezes.